Alimentos seguros nas viagens: como escolher ?

alimentos seguros nas viagens

O começo do ano é o período em que muitas pessoas viajam com a família e amigos para os mais diversos locais, comendo as mais diversas comidas. A alta temporada faz com que as demandas aumentem, colocando em risco os alimentos que consumimos, muitas vezes, sem os devidos cuidados. Saiba como escolher alimentos seguros nas viagens.

 

Confira algumas dicas para escolher alimentos seguros nas viagens: 

 

  • Peça ao garçom para passar álcool na mesa;
  • Verifique se os utensílios como garfos, facas e copos estão devidamente limpos
  • Tome cuidado com a forma de conservação dos alimentos, atente para a temperatura.
  • Não tome bebidas diretamente na lata;
  • Observe se as pessoas responsáveis pelo alimento estão usando touca;
  • Evite alimentos crus ou mal passados;
  • Verifique sempre o prazo de validade;
  • Esteja atento às condições de higiene do local;
  • Evite locais muito cheios; 
  • Fique atento aos ingredientes, afinal de contas ninguém quer ter uma crise alérgica durante a viagem. 

 

Lembre-se, as dicas são válidas para todos os lugares e para todas as épocas do ano.

 

Garantindo esses pequenos cuidados, você torna a sua viagem mais segura para aproveitar de verdade. Saiba mais sobre a cultura de segurança dos alimentos e descubra tudo sobre este assunto tão essencial para nossas vidas. 

Search

Artigos Relacionadas

Exemplos de APPCC para Carnes

Por: Keli Lima Neves Em todos os meus treinamentos sobre APPCC, sempre deixo claro que não há uma receita para construção do Sistema de APPCC.

Agenda ANVISA 2024-2025

Por: Keli Lima Neves Para você se preparar com os temas que serão trabalhados pela ANVISA em 2024 e que podem trazer alterações nas práticas

A BRQuality é uma empresa focada em desenvolver soluções criativas junto aos seus clientes, oferecendo treinamentos e consultorias personalizados, desmistificando e descomplicando o que parece difícil, deixando as equipes preparadas para dar continuidade nos programas e entender sua interação na cadeia de alimentos de forma responsável.