Novo documentário aborda segurança dos alimentos

´Contaminação: A Verdade Sobre o que Comemos´ conta com entrevistas para examinar os surtos de doenças de origem alimentar nos EUA.

No dia 02 de agosto, estreou na Netflix o documentário: “Contaminação: A Verdade Sobre o que Comemos”. A produção, um longa documental dirigido por Soechtig, cineasta estadunidense que examina o sistema de alimentos dos Estados Unidos da América (EUA), faz um levantamento de falhas e erros que levam ocasionam o surgimento de doenças e patógenos prejudiciais à nossa saúde.

O documentário é uma denúncia sobre a indústria alimentícia e seus reguladores e expõe como décadas de apatia e infrações deixaram a oferta alimentar dos EUA e seus consumidores vulneráveis a patógenos letais como E. coli e salmonella.

Reflexão do documentário

 

O longa traz uma reflexão: a procedência do que comemos por muitas vezes é bem duvidosa, principalmente em um mundo que não se importa com uso irrestrito de agrotóxico. O longa funciona como uma espécie de alerta que vai nas raízes da história norte-americana nesses tipos de causa. 

Traz para gente um visão que podíamos não ter, que é sobre as bactérias presentes e até mesmo as tentativas de abafar os casos de endemias e surtos. A produção chega na Netflix com intuito de alertar, mas pode deixar as pessoas ainda mais neuróticas quando o assunto é segurança dos alimentos.

 

Assista ao trailer do documentário:

Search

Artigos Relacionadas

Exemplos de APPCC para Carnes

Por: Keli Lima Neves Em todos os meus treinamentos sobre APPCC, sempre deixo claro que não há uma receita para construção do Sistema de APPCC.

Agenda ANVISA 2024-2025

Por: Keli Lima Neves Para você se preparar com os temas que serão trabalhados pela ANVISA em 2024 e que podem trazer alterações nas práticas

A BRQuality é uma empresa focada em desenvolver soluções criativas junto aos seus clientes, oferecendo treinamentos e consultorias personalizados, desmistificando e descomplicando o que parece difícil, deixando as equipes preparadas para dar continuidade nos programas e entender sua interação na cadeia de alimentos de forma responsável.